Destaques Excel Engenharia

Reduza os gastos com água do DMAE no seu Condomínio ou Empresa
Equipamento parado também gera custos de manutenção
Fique atento à manutenção de Extintores e Mangueiras de Incêndio
Treinamento de empregados de Condomínios ou Empresas para a utilização de equipamentos contra incêndio

Reduza os gastos com água do DMAE no seu Condomínio ou Empresa

Reduza os gastos com o consumo de água do DMAE no seu Condomínio ou Empresa, tomando duas providências bem simples, mas de significativo resultado: 1) faça o acompanhamento diário, através da leitura do hidrômetro, do consumo de água e previna grandes fugas com vazamentos em tubulações ou reservatórios; 2) execute vistoria nas válvulas de descarga nos banheiros dos apartamentos ou conjuntos, bem como naqueles de uso comum. Lembre-se que a água tratada já foi um produto barato. Hoje, o seu preço não permite mais nenhum tipo de desperdício.


Equipamento parado também gera custos de manutenção

Não deixe os equipamentos de seu Condomínio ou Empresa sem funcionar por muito tempo. Lembre-se que toda a máquina foi projetada para operar e a paralisação da mesma, por longos períodos, leva à deterioração de boa parte dos seus componentes. Neste sentido, promova o rodízio na operação das bombas de recalque de água, alternando a cada 15 dias o funcionamento das mesmas.


Fique atento à manutenção de Extintores e Mangueiras de Incêndio

Não descuide da manutenção dos extintores e das mangueiras de incêndio em seu Condomínio ou Empresa. A periodicidade das mesmas é anual e obrigatória, conforme estabelece o Código de Proteção Contra Incêndio (Lei Complementar N° 420/98 do Município de Porto Alegre).


Treinamento de empregados de Condomínios ou Empresas para a utilização de equipamentos contra incêndio

Conforme a Lei Complementar N° 420/98 do Município de Porto Alegre (Código de Proteção Contra Incêndio), no seu Artigo 302, o responsável pelo Condomínio ou Empresa deve providenciar o treinamento anual para a correta utilização dos sistema de proteção contra incêndio. Tal treinamento deve constar de curso técnico-prático, o qual vem sendo ministrado pelo Corpo de Bombeiros da Capital, com excelente aproveitamento dos participantes.